Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Na Record, Casagrande fala sobre sua demissão da Globo: “Foi um alívio”


No comando: CONEXÃO CORUJA

Das 00:00 às 05:00

No comando: CONEXÃO SERTANEJA

Das 05:00 às 08:00

No comando: TERRITÓRIO SERTANEJO

Das 06:00 às 08:00

No comando: VOCÊ QUEM MANDA

Das 08:00 às 10:00

No comando: Engenharia & Arquitetura Tocantinense

Das 10:00 às 12:00

No comando: SE LIGA NO BABADO

Das 12:00 às 14:00

No comando: SERTANEJO BOM DE MAIS

Das 16:00 às 18:00

No comando: HORA DO RUSH

Das 18:00 às 19:00

No comando: POP DJ

Das 20:00 às 22:00

No comando: A VOZ DO BRASIL

Das 21:00 às 22:00

No comando: SOFT NIGHT

Das 22:00 às 00:00

Na Record, Casagrande fala sobre sua demissão da Globo: “Foi um alívio”

Walter Casagrande voltou a falar sobre sua saída da Globo na última semana em entrevista ao Domingo Espetacular, da Record. O comentarista e ex-jogador afirmou que a decisão de rescindir o contrato com a emissora seria por conta de não estar gostando das mudanças que vinham acontecendo no maior canal do país. “Estávamos empurrando com a barriga e ninguém satisfeito, então ninguém estava feliz”, garantiu ele. O profissional ainda afirmou que acredita que a emissora já não estava mais gostando da forma como ele dava as suas opiniões.

“Foi um alívio para os dois lados porque eu tenho certeza que eles não estavam gostando do meu modo, do meu perfil, assim como eu não estava gostando das mudanças que aconteceram lá”, disse ele, durante o bate-papo com a repórter Carolina Ferraz. Casão ainda disse que não guarda mágoas da emissora e apenas tem boas memórias do tempo em que permaneceu no quadro de funcionários do canal. “Não tenho nada de ruim para falar da minha vida dentro da TV Globo, foi ótima. Conheci muitas pessoas, fiz muitos amigos e visitei vários lugares do mundo”, completou.

Recentemente, em entrevista para o UOL Esporte, Walter Casagrande revelou que se sentiu isolado dentro da emissora, além de acreditar que dentro da líder de audiência suas posições não tinham mais a mesma repercussão que antigamente. “Hoje, não só a Globo, quase todos os lugares ficam pautados em cima das redes sociais”, contou o ex-jogador durante bate-papo. “A rede social é uma guerra lá dentro, as pessoas e emissoras estão preocupadas com seguidores e pessoas que falam de um determinado assunto popular demais”, contou.

Casagrande ainda afirmou que gosta de se posicionar politicamente, falar sobre a sociedade e ainda citou o caso do ex-jogador Robinho. “Gosto de me posicionar politicamente e falar sobre a sociedade. Gosto de me colocar nas polêmicas dentro do próprio esporte como homofobia, machismo, assédio sexual e estupro. Tem jogador que estuprou uma menina, o Robinho, e tá na praia, no Guarujá”, disse ele.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook

Curta no social